Artigos

 
MLS Players Union periodically reveals MLS players salaries, representing an unique action in the football world, stating as two of the main arguments the fact that it allows a greater equity between players and rewards those who contribute more to the evolution of Major League Soccer, and the greater bargaining power of players gained through this entity
When the regular phase of the 2013 edition of Major League Soccer is taking place, Football Industry presents the top 20 salaries of the competition as well as the costs with salaries of each club (values ​​to May 1, 2013).
The 20 Highest-Paid 2013 MLS Players
In the table below, we present the 20 players with the highest annual base salaries of MLS in 2013. In this ranking there is a great predominance of players who made the most of their careers in Europe, as are the cases of Thierry Henry, Robbie Keane and Tim Cahill. We also observe a very significant difference between the highest-paid (Robbie Keane, 3.1 million Euros) and the 20th-ranked (Darren O’Dea, 239 000 Euros). In this table, 10 players are forwards, 7 are midfielders, 2 can play as fowards or midfielders, and one is a defender. Seattle Sounders is the most represented club with 3 players.
[table id=243 /]
Salaries of the 2013 MLS Clubs
When analyzing the clubs participating in the 2013 MLS, one can see a great disparity between the New York Red Bulls and La Galaxy and the other MLS clubs. However, this distance fell between October 2012 and May 2013. The average annual base salary per club is 3.2 million Euros and 110,000 Euros per player.
On the other hand, there is also a large disparity between the highest-paid player of the club and his teammates. This difference is very pronounced especially in the case of LA Galaxy in which 44% of their base salary belongs to Robbie Keane.
[table id=244 /]
Notes: (1) Data from May 1, 2013, (2) Exchange Rate May 31, 2013: 1 USD = 0.769470 EUR; (3) For the purposes of analysis and simplification we only considered the base salaries of the players.

A MLS Players Union revela periodicamente os salários dos jogadores deste campeonato, representando uma ação única no mundo do futebol, indicando como principais argumentos o facto de permitir a existência de uma maior equidade entre os jogadores, premiando aqueles que mais contribuem para a evolução da MLS, e o maior poder negocial dos jogadores através desta entidade.
Numa altura em que decorre a fase regular da edição de 2013 da Major League Soccer, o Football Industry apresenta os 20 maiores salários da competição bem como os custos salariais de cada clube (valores a 01 de Maio de 2013).
Os 20 Jogadores mais bem pagos da MLS 2013
Na tabela em baixo encontram-se os 20 jogadores com os salários base anuais mais elevados da MLS 2013. Neste ranking verifica-se uma grande predominância de jogadores que fizeram a maior parte da sua carreira na Europa, como são os casos de Thierry Henry, Robbie Keane e Tim Cahill. Observa-se também uma diferença muito elevada entre o mais bem pago (Robbie Keane, 3,1 milhões de Euros) e o 20º do ranking (Darren O’Dea, 239 mil Euros). Nesta tabela, 10 jogadores são avançados, 7 são médios, 2 podem jogar como avançados ou médios, e 1 é defesa. O Seattle Sounders é o clube mais representado com 3 jogadores.
[table id=241 /]
Salários dos Clubes da MLS 2013
Analisando os clubes que participam na MLS 2013, nota-se uma grande disparidade entre os New York Red Bulls e os La Galaxy e os restantes clubes da MLS embora esta tenha diminuído entre Outubro de 2012 e Maio de 2013. A base salarial anual média por clube é de 3,2 milhões de Euros e de 110 mil Euros por jogador.
Por outro lado, regista-se também uma grande disparidade entre o jogador mais bem pago de cada clube e os seus colegas de equipa. Esta diferença é muito acentuada sobretudo no caso dos LA Galaxy em que 44% da base salarial pertence a Robbie Keane.
[table id=242 /]
Notas: (1) Dados de 01 de Maio de 2013; (2) Taxa de câmbio 31 Maio 2013: 1 USD = 0,769470 EUR; (3) Para efeitos de análise e simplificação apenas foram utilizados os salários base dos jogadores.
Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

Currently, Major League Soccer (MLS) is considered by the International Federation of Football History & Statistics (IFFHS) as only the 37th strongest league in the world. However, MLS has attracted in recent years some stars who made most of their career in the main European leagues contributing to strengthen this sport in the United States and Canada.
When the 2013 season is starting, Football Industry presents an analysis of the salaries of the 2012 MLS players relating them with their participation in the competition.
MLS Players Union periodically reveals MLS players salaries, representing an unique action in the football world, stating as two of the main arguments the fact that it allows a greater equity between players and rewards those who contribute more to the evolution of MLS, and the greater bargaining power of players gained through this entity.
20 Highest Paid Players in 2012 MLS
In the following table are listed the 20 players with the highest annual base salaries of 2012 MLS. In this ranking there is, especially in the Top 10, a great predominance of players who made the most of their career in Europe, as is the case of Thierry Henry, Rafael Marquez and David Beckham. There is also a significant difference between the highest paid (Thierry Henry, 3.8 million Euros) and the 10th ranked (Kenny Miller, 934.000 Euros). In this table, 10 players are midfielders, 9 are forwards and one is a defender. New York Red Bulls, LA Galaxy and Toronto FC are the most represented clubs.
[table id=63 /]
20 Players with the Highest Salary per Minute of the 2012 MLS
Relating the annual base salary of players with their participation throughout the season, we calculated their salary per minute (only for players who played at least 90 minutes in 2012). Thus, one can observe that Rafael Marquez was the player who received the highest amount per minute followed by Tim Cahill and Bakary Soumare who only played 90 minutes. From this list, 13 of the 20 players are part of the group of the 20 highest paid players presented earlier.
[table id=64 /]
Salaries of the 2012 MLS Clubs
When analyzing the clubs that participated in the 2012 MLS, there is a great disparity between New York Red Bulls and La Galaxy and the remaining MLS teams. Moreover, the clubs position in this ranking does not entirely reflect their performance in the regular phase of the competition (overall MLS table), although in the post season, New York Red Bulls reached the semi-finals and LA Galaxy won the competition. In the 2012 edition of MLS, the average annual base salary per club was 3.4 million Euros and 119.000 Euros per player.
Another important aspect is related with the fact that the 3 players with the highest annual base salary in New York Red Bulls squad represented 83% of their total annual base salary, being this value equal to 77% in the case of LA Galaxy.
[table id=65 /]
Salaries per Minute of the 2012 MLS Clubs
Finally, we analyzed the average salary per minute of the MLS players per club in 2012. As in the previous table, New York Red Bulls and LA Galaxy arise in the first two positions with an average annual base salary per minute played of 366 and 212 Euros, respectively.
[table id=66 /]
Notes: (1) Data from October 1, 2012; (2) Exchange Rate March 15, 2013: 1 USD = 0.764550 EUR; (3) For the purpose of analysis and simplification we only used players base salaries; (4) Were only considered players who participated in more than 90 minutes in 2012; (5) For the purpose of presenting clubs position in the regular phase of the competition, both conferences were aggregated.
Follow us on Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

Atualmente, a Major League Soccer (MLS) é considerada pela International Federation of Football History & Statistics (IFFHS) apenas a 37ª liga mais forte do Mundo. No entanto, a MLS tem atraído nos últimos anos algumas estrelas que fizeram a maior parte da sua carreira nas principais ligas europeias contribuindo para o fortalecimento da modalidade nos Estados Unidos da América e no Canadá.
Numa altura em que se iniciou a época de 2013, o Football Industry apresenta uma análise dos salários dos jogadores da época de 2012 relacionando-os com a sua participação na competição.
A MLS Players Union revela periodicamente os salários dos jogadores deste campeonato, representando uma ação única no mundo do futebol, indicando como dois dos principais argumentos o facto de permitir que exista uma maior equidade entre os jogadores e se premeiem aqueles que mais contribuem para a evolução da MLS e o maior poder negocial dos jogadores através desta entidade.
20 Jogadores mais bem pagos da MLS 2012
Na tabela seguinte, encontram-se os 20 jogadores com os salários base anuais mais elevados da MLS 2012. Neste ranking verifica-se, sobretudo no Top 10, uma grande predominância de jogadores que fizeram a maior parte da sua carreira na Europa, como são os casos de Thierry Henry, Rafael Marquez e David Beckham. Observa-se também uma diferença significativa entre o mais bem pago (Thierry Henry, 3,8 milhões de Euros) e o 10º do ranking (Kenny Miller, 934 mil Euros). Nesta tabela, 10 jogadores são médios, 9 são avançados e 1 é defesa. Os New York Red Bulls, os LA Galaxy e os Toronto FC são os clubes mais representados.
[table id=58 /]
20 Jogadores com o Salário por Minuto mais Elevado da MLS 2012
Relacionando o salário base anual dos jogadores com a sua utilização ao longo da época, calculámos o salário por minuto dos atletas da MLS 2012 construindo o Top 20 deste indicador (apenas foram considerados os jogadores que atuaram pelo menos 90 minutos ao longo da época). Assim, observa-se que Rafael Marquez foi o jogador que mais recebeu por minuto de utilização seguido de Tim Cahill e Bakary Soumare que apenas jogou 90 minutos. Desta lista, 13 dos 20 jogadores fazem parte do grupo dos 20 jogadores mais bem pagos apresentado anteriormente.
[table id=59 /]
Salários dos Clubes da MLS 2012
Analisando os clubes que participaram na MLS 2012, nota-se uma grande disparidade entre os New York Red Bulls e La Galaxy e os restantes clubes da MLS. Verifica-se também que a posição dos clubes neste ranking não se traduziu totalmente na sua classificação na fase regular (classificação agregada das conferências) embora, na fase seguinte, os New York Red Bulls tenham atingido as meias-finais e os LA Galaxy tenham vencido a competição. Nesta edição da MLS, a base salarial anual média por clube foi de 3,4 milhões de Euros e de 119 mil Euros por jogador.
Outro aspeto importante, prende-se com o facto de os 3 jogadores com o salário mais elevado do plantel dos New York Red Bulls terem representado 83% do total dos salários base dos seus jogadores, sendo este valor de 77% no caso dos LA Galaxy.
[table id=60 /]
Salários por Minuto dos Clubes da MLS 2012
Por último, analisámos o salário médio por minuto dos jogadores da MLS 2012 por clube. À semelhança da tabela anterior, os New York Red Bulls e os LA Galaxy surgem nas duas primeiras posições com um salário médio por minuto de utilização de 366 e 212 Euros, respetivamente.
[table id=61 /]
Notas: (1) Dados de 01 de Outubro de 2012; (2) Taxa de câmbio 15 Março 2013: 1 USD = 0,764550 EUR; (3) Para efeitos de análise e simplificação apenas foram utilizados os salários base dos jogadores; (4) Não foram considerados os jogadores que não somaram mais de 90 minutos de utilização em 2012; (5) Para efeitos de apresentação da classificação na fase regular foram agregadas as duas conferências.
Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry