Artigos

Throughout the 2012/2013 season, the clubs from the top 5 European leagues (Barclays Premier League, Serie A, Liga BBVA, Ligue 1 and Bundesliga) presented 14 different tactical formations. The highest diversity level was registered in the Italian League (11 different formations).
Currently, the most widely used option is “4-2-3-1” having been presented by more than half of the clubs, except in Italy. In the case of the Spanish League, it was adopted by 90% of the teams over the last season.
[table id=246 /]
Note: We only considered the tactical formations used by the clubs in more than 50% of their matches in the competitions mentioned above.

Ao longo da época 2012/2013, os clubes que competiram nos 5 principais campeonatos europeus (Barclays Premier League, Serie A, Liga BBVA, Ligue 1 e Bundesliga) apresentaram 14 esquemas táticos diferentes tendo-se registado uma diversidade significativa na Liga Italiana.
Actualmente, o esquema mais utilizado é o 4-2-3-1 tendo sido apresentado por mais de metade dos clubes, exceto em Itália, sendo que, no caso da Liga Espanhola, foi adotado por 90% das equipas ao longo da última época.
[table id=245 /]
Nota: Foram considerados os esquemas táticos utilizados pelos clubes em mais de 50% dos jogos realizados nas competições acima referidas.
Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

A SportsPro publicou recentemente uma lista composta pelos 50 atletas com o maior potencial a nível comercial.
Os desportistas foram avaliados em função do seu potencial de marketing nos próximos três anos, relativamente ao seu valor monetário, idade, mercado de origem, carisma e a disponibilidade para colaborar em campanhas de marketing. O calendário desportivo dos próximos três anos foi também tido em conta.
A lista inclui desportistas de 19 modalidades e 23 países diferentes. O futebol é a modalidade mais representada (estão presentes quatro atletas da Barclays Premier League e dois da Liga BBVA).
Na edição deste ano do ranking, Neymar é o líder seguido de Messi e do golfista Rory McIlroy.
[table id=234 /]
Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

Forbes recently released the list of the 20 best-paid players in 2012. Together, these athletes received more than 332 million Euros representing an increase of 20% compared to 2011.
David Beckham continues to lead the list of the best-paid players having been his best year in terms of commercial revenues. The English player, the oldest of the 20 players on the list, managed to raise about 33.8 million Euros through its sponsorship contracts along with around 5 million in salary and bonuses through his contract with LA Galaxy. These values ​​were mainly due to his relationship with adidas, Coty, Breitling and Chinese Super League since the salary earned in the club is the lowest in the Top 20.
[table id=190 /]
English players are the majority in number and value. The five English players on the list received 91.7 million Euros in 2012 being followed by the three Argentine players (59.6 million euros) and Cristiano Ronaldo (33.4 million Euros) from Portugal.
Regarding the championship(s) in which they played in 2012, the English Premier League (Barclays Premier League) dominates the list of the best-paid players since 12 of the 20 athletes competed in that league during this period (Didier Drogba only for 6 months) aggregating 201.2 million Euros. Spanish (Liga BBVA) and North American (Major League Soccer) leagues complete the podium.
With regard to the age of the players, 40% are less than 29 years-old (received 44% of the total amount in 2012), 20% is 29 years-old (received 17% of the total sum) and 40% have over 29 years-old (received 39% of the total amount). We can also see that 12 of them are forwards, 7 are midfielders and only 1 is a defender (John Terry).
Notes: (1) The amounts received by the athletes include their salary, performance bonuses and sponsorship contracts, (2) Exchange Rate April 26, 2013: 1 USD = 0.767430 EUR; (3) Amounts rounded to hundreds of thousands.
Follow us on Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

At a time when most European leagues are about to end, we present five young players who stood out in those which are considered the five most competitive championships, namely, Barclays Premier League (England), Bundesliga (Germany), Liga BBVA (Spain), Ligue 1 (France) and Serie A (Italy).
MARIO GOTZE – Bundesliga
Mario Gotze made ​​an impressive season and has already been “rewarded” with a transfer to Bayern Munchen for about 37 million Euros. The player stands out for its passing, crossing, dribbling and vision ability. Gotze also presented an interesting goalscoring sheet being responsible for 12.5% of Borussia Dortmund‘s goals in 12/13 Bundesliga being also important on defensive moments (2.8 interceptions and tackles per game).
[table id=209 /]
[table id=210 /]
ERIK LAMELA – Serie A
Although AS Roma has made ​​a modest championship, Erik Lamela has confirmed his potential. The youngster has shown a remarkable ability to dribble and shot scoring 21.7% of the goals of his team.
[table id=211 /]
[table id=212 /]
SERGE AURIER – Ligue 1
The youngster from Ivory Coast, who plays for Toulouse, has proved to have great potential in tackles, interceptions and aerial duels but still needs to improve on the offensive moments.
[table id=213 /]
[table id=214 /]
MATIJA NASTASIC – Barclays Premier League
The Serbian central defender who moved from Fiorentina to Manchester City has confirmed his potential and received several praises despite the less successful campaign of his team this year. Matija Nastasic has shown a great ability especially in aerial duels, although this was not confirmed offensively, good passing ability, strong in tackling and fewer fouls per game.
[table id=215 /]
[table id=216 /]
KOKE – Liga BBVA
The midfielder from  Atlético Madrid‘s “cantera” has been highlighted for his ability to pass and cross (has also played as a winger) and his defensive contribution. Moreover, he has been also responsible for a significant part of his team’s passing (9% of his team’s total passes).
[table id=217 /]
[table id=218 /]
Notes: (1) Were only considered players with 21 or fewer years of age playing in the German, Spanish, French, English and Italian leagues; (2) The data presented in this article refers to the competitions mentioned above; (3) Data collected on May 18, 2013.
DATA PROVIDER: WhoScored.com
whoscored_logo
Follow us on Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

Numa altura em que a maioria dos campeonatos europeus estão prestes a terminar, apresentamos 5 jovens jogadores que se destacaram durante a época naqueles que são considerados os cinco campeonatos mais mediáticos, nomeadamente, a Barclays Premier League (Inglaterra), a Bundesliga (Alemanha), a Liga BBVA (Espanha), a Ligue 1 (França) e a Serie A (Itália).
MARIO GOTZE – Bundesliga
Mario Gotze realizou uma temporada de grande qualidade tendo já sido “premiado” com a transferência para o Bayern Munchen por cerca de 37 milhões de Euros. O jogador destaca-se pela sua capacidade de passe, cruzamento, drible e visão de jogo. Gotze apresentou também uma interessante veia goleadora sendo responsável por 12,5% dos golos do Borussia Dortmund na Bundesliga 12/13 procurando também ajudar a defender (2,8 cortes e interceções por jogo).
[table id=199 /]
[table id=200 /]
ERIK LAMELA – Serie A
Apesar de a AS Roma ter realizado um campeonato modesto, Erik Lamela tem confirmado o valor que lhe era reconhecido. O jovem jogador tem apresentado uma capacidade de drible e remate assinaláveis tendo marcado 21,7% dos golos da sua equipa.
[table id=201 /]
[table id=202 /]
SERGE AURIER – Ligue 1
O jovem da Costa do Marfim, que atua no Toulouse, tem-se revelado um lateral com grande potencial que se mostra forte sobretudo nos cortes, interceções e duelos aéreos mas que ainda necessita de melhorar na componente ofensiva.
[table id=203 /]
[table id=204 /]
MATIJA NASTASIC – Barclays Premier League
O defesa central sérvio que se transferiu da Fiorentina para o Manchester City no início da época tem confirmado o seu potencial e recebido vários elogios apesar do menor poderio demonstrado pelo clube inglês nesta edição da Barclays Premier League. Matija Nastasic tem demonstrado sobretudo uma grande capacidade nos duelos aéreos, embora não o tenha confirmado ofensivamente, uma boa capacidade de passe, forte no corte e poucas faltas cometidas por jogo.
[table id=205 /]
[table id=206 /]
KOKE – Liga BBVA
O médio ofensivo da “cantera” do Atlético Madrid tem-se destacado pela sua capacidade de passe e cruzamento (tem atuado também como extremo) e pela sua contribuição defensiva passando grande parte do jogo pelos seus pés (9% do total de passes da equipa durante a época 12/13).
[table id=207 /]
[table id=208 /]
Notas: (1) Foram considerados jogadores com 21 ou menos anos de idade que atuam nos campeonatos alemão, espanhol, francês, inglês e italiano; (2) Os dados apresentados referem-se às competições acima mencionadas; (3) Dados recolhidos a 18 de Maio de 2013.
DATA PROVIDER: WhoScored.com
whoscored_logo
Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

Nos últimos anos tem-se tornado cada vez mais comum surgirem milionários interessados em adquirir partes do capital de clubes de futebol.
Neste sentido, apresentamos a lista dos 11 proprietários de clubes com maior património na atualidade, de acordo com dados divulgados pela Forbes.
[table id=170 /]
A maioria dos proprietários apresentados na lista são originários dos Estados Unidos da América e da Rússia. Verifica-se também que a maioria optou por investir em clubes pertencentes ao campeonato inglês (Barclays Premier League), espanhol (Liga BBVA) e norte americano (Major League Soccer).
Nota: Taxa de câmbio a 26 Abril de 2013: 1 USD = 0,767430 EUR.
Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

A Forbes divulgou recentemente a lista dos 20 jogadores mais bem pagos no ano de 2012. Em conjunto, estes atletas receberam mais de 332 milhões de Euros representando um aumento de 20% comparativamente com 2011.
David Beckham continua a liderar a lista dos jogadores mais bem pagos tendo sido o seu melhor ano em termos comerciais. O jogador inglês, o mais velho dos 20 jogadores da lista, conseguiu arrecadar cerca de 33,8 milhões de Euros através dos seus contratos de patrocínio aos quais juntou cerca de 5 milhões de Euros em bónus e salário através dos LA Galaxy. Estes valores deveram-se sobretudo à sua relação com as marcas Adidas, Coty, Breitling e Chinese Super League uma vez que o salário que auferiu no clube é o mais baixo do Top 20.
[table id=168 /]
Os jogadores ingleses encontram-se em maioria tanto em número como em valor. Os 5 jogadores ingleses que fazem parte da lista receberam 91,7 milhões de Euros em 2012 sendo seguidos pelos 3 jogadores argentinos (59,6 milhões de Euros) e Cristiano Ronaldo (33,4 milhões de Euros) de Portugal.
Quanto ao(s) campeonato(s) em que atuaram em 2012, a liga inglesa (Barclays Premier League) domina a lista dos jogadores mais bem pagos uma vez que 12 dos 20 jogadores atuaram na referida liga durante esse período (Didier Drogba apenas durante 6 meses) agregando 201,2 milhões de Euros. As ligas espanhola (Liga BBVA) e norte americana (Major League Soccer) completam o pódio.
Relativamente à idade dos jogadores que compõem a referida lista, verifica-se que 40% tem menos de 29 anos (receberam 44% do valor total em 2012), 20% tem 29 anos (receberam 17% do valor total) e 40% tem mais de 29 anos (receberam 39% do valor total). Observa-se também que 12 deles são avançados, 7 são médios e apenas 1 é defesa (John Terry).
Notas: (1) Os valores recebidos pelos atletas incluem o seu salário, bónus de desempenho e contratos de patrocínio; (2) Taxa de câmbio 26 Abril 2013: 1 USD = 0,767430 EUR; (3) Valores arredondados às centenas de milhar.
Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

Bayern Munchen e Barcelona irão defrontar-se pela 7ª vez, em competições oficiais, esta terça-feira, na primeira mão das meias-finais da UEFA Champions League.
Como já vem sendo hábito, o Football Industry apresenta um conjunto de quadros comparativos entre os dois clubes, dividido em três áreas distintas (Web, Finanças e Desempenho Desportivo), que nos permitirão ter uma visão global das duas equipas, da sua dimensão e das possibilidades de ambas neste confronto e na competição.
WEB
No que diz respeito à componente online, o domínio do Barcelona é avassalador, apresentando um número superior de fãs/seguidores em todas as redes sociais, o que demonstra um grau de internacionalização bastante superior. A título de exemplo, o Bayern apenas regista, neste momento, 16% do número de fãs do Barcelona no Facebook. Em relação aos websites dos dois clubes, neste momento, o fcbarcelona.com está melhor colocado tanto a nível nacional como internacional.
[table id=142 /]
FINANÇAS
Também ao nível das receitas, o Barcelona apresenta uma situação mais fortalecida ocupando a 2ª posição na Deloitte Football Money League 2013 comparativamente com o 4ª posto do Bayern. De facto, a equipa espanhola apresenta valores superiores em todos os fluxos de receita exceto nas comerciais. Relativamente à estrutura de receitas dos dois clubes, verifica-se que o Bayern apresenta uma grande dependência face às receitas comerciais enquanto que a estrutura do Barcelona recai também sobre as receitas de direitos televisivos. Ambos os clubes têm apresentado índices de crescimento elevados e valores semelhantes provenientes de prémios da UEFA. Por último, o Barcelona detém um plantel e marca considerados mais valiosos e assistências médias superiores.
[table id=143 /]
DESEMPENHO DESPORTIVO
Historicamente, o Bayern apresenta melhores resultados nos confrontos diretos entre as duas equipas tendo saído vitorioso por 3 vezes dos 6 jogos em competições oficiais comparativamente com um único triunfo do Barcelona. Relativamente aos restantes indicadores de desempenho desta época, apresentados na tabela em baixo, verifica-se uma maior capacidade por parte do Bayern, à exceção do número de remates à baliza por jogo, posse de bola e eficácia no passe.
[table id=144 /]
Notas: (1) Dados recolhidos a 20 de Abril de 2013; (2) Na contagem dos troféus foram consideradas as seguintes competições: Campeonato do Mundo de Clubes, UEFA Champions League, Supertaça Europeia, Taça das Taças, Taça Intercontinental, Taça UEFA (UEFA Europa League), Taça Intertoto, Liga Alemã, Supertaça da Alemanha, Taça da Liga Alemã, Taça da Alemanha, Liga Espanhola, Supertaça de Espanha, Taça do Rei, Taça da Liga Espanhola, Copa Eva Duarte de Perón e Taça das Cidades com Feiras.
Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

Na edição de 2010/2011 da Liga BBVA, a Liga Espanhola, o Barcelona, o Real Madrid e o Valencia terminaram o campeonato na posição correspondente à que ocuparam no ranking por salário médio anual pago por jogador nessa época.
De uma perspetiva positiva, o Sporting Gijón conseguiu alcançar o 10º posto na competição registando o valor salarial mais baixo entre os 20 clubes da liga. Na perspetiva oposta, o Mallorca foi o caso de menor sucesso ficando apenas na 17ª posição com o 10º salário anual médio por jogador mais elevado.
Além dos clubes já referidos, também o Sevilla e o Athletic atingiram a posição no campeonato correspondente à do ranking de salário anual médio por jogador.
[table id=82 /]
Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry