Numa altura em que a maioria dos campeonatos europeus estão prestes a terminar, apresentamos 5 jovens jogadores que se destacaram durante a época naqueles que são considerados os cinco campeonatos mais mediáticos, nomeadamente, a Barclays Premier League (Inglaterra), a Bundesliga (Alemanha), a Liga BBVA (Espanha), a Ligue 1 (França) e a Serie A (Itália).
MARIO GOTZE – Bundesliga
Mario Gotze realizou uma temporada de grande qualidade tendo já sido “premiado” com a transferência para o Bayern Munchen por cerca de 37 milhões de Euros. O jogador destaca-se pela sua capacidade de passe, cruzamento, drible e visão de jogo. Gotze apresentou também uma interessante veia goleadora sendo responsável por 12,5% dos golos do Borussia Dortmund na Bundesliga 12/13 procurando também ajudar a defender (2,8 cortes e interceções por jogo).
[table id=199 /]
[table id=200 /]
ERIK LAMELA – Serie A
Apesar de a AS Roma ter realizado um campeonato modesto, Erik Lamela tem confirmado o valor que lhe era reconhecido. O jovem jogador tem apresentado uma capacidade de drible e remate assinaláveis tendo marcado 21,7% dos golos da sua equipa.
[table id=201 /]
[table id=202 /]
SERGE AURIER – Ligue 1
O jovem da Costa do Marfim, que atua no Toulouse, tem-se revelado um lateral com grande potencial que se mostra forte sobretudo nos cortes, interceções e duelos aéreos mas que ainda necessita de melhorar na componente ofensiva.
[table id=203 /]
[table id=204 /]
MATIJA NASTASIC – Barclays Premier League
O defesa central sérvio que se transferiu da Fiorentina para o Manchester City no início da época tem confirmado o seu potencial e recebido vários elogios apesar do menor poderio demonstrado pelo clube inglês nesta edição da Barclays Premier League. Matija Nastasic tem demonstrado sobretudo uma grande capacidade nos duelos aéreos, embora não o tenha confirmado ofensivamente, uma boa capacidade de passe, forte no corte e poucas faltas cometidas por jogo.
[table id=205 /]
[table id=206 /]
KOKE – Liga BBVA
O médio ofensivo da “cantera” do Atlético Madrid tem-se destacado pela sua capacidade de passe e cruzamento (tem atuado também como extremo) e pela sua contribuição defensiva passando grande parte do jogo pelos seus pés (9% do total de passes da equipa durante a época 12/13).
[table id=207 /]
[table id=208 /]
Notas: (1) Foram considerados jogadores com 21 ou menos anos de idade que atuam nos campeonatos alemão, espanhol, francês, inglês e italiano; (2) Os dados apresentados referem-se às competições acima mencionadas; (3) Dados recolhidos a 18 de Maio de 2013.
DATA PROVIDER: WhoScored.com
whoscored_logo
Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

After the end of the UEFA Europa League, we present some key figures of the 2012/2013 edition regarding the games, teams and players that took part in this competition.
 
Games: 204
Teams: 56
Players: 1,238 (average of 22 per team)
Goals: 521 (2.6 per game)
Headed Goals: 115 (0.6 per game)
1-15 Minute Goals: 50 (9.6%)
16-30 Minute Goals: 87 (16.7%)
31-45 Minute Goals: 68 (13.1%)
– Additional Time (1st half) Goals: 11 (2.1%)
– 46-60 Minute Goals: 85 (16.3%)
– 61-75 Minute Goals: 86 (16.5%)
– 76-90 Minute Goals: 91 (17.5%)
– Additional Time (2nd half) Goals: 39 (7.5%)
– Extra Time (1st half) Goals: 2 (0.4%)
– Extra Time (2nd half) Goals: 2 (0.4%)
Penalties Scored: 39
Penalties Denied: 14
– Offsides: 1.008 (4.9 per game)
– Fouls: 5,227 (25.6 per game)
Corner Kicks: 1,960 (9.6 per game)
– Yellow cards: 834 (4.1 per game)
– Red Cards: 45 (0.2 per game)
Top 3 Best Scorers: 1st – Libor Kozák, Lazio (8 Goals, Accuracy 47%, scored every 77 minutes), 2nd – Edinson Cavani, Napoli (7 goals; Accuracy 26%, scored every 66 minutes); 3rd – Óscar Cardozo, Benfica (7 goals, 32% Accuracy, scored every 84 minutes)
Top 3 Players with More Assists: 1st – Jose Barkero, Levante (6), 2nd – Juan Mata, Chelsea (6), 3rd – Fredy Guarin, Internazionale (4)
– Top 3 Players with More Shots on Target: 1st – Óscar Cardozo, Benfica (17 shots, 1.89 per game), 2nd – Samuel Eto’o, Anzhi (17 shots, 1.7 per game), 3rd – Fernando Torres, Chelsea (15 shots, 1.7 per game)
Teams with More Goals per game: 1st – Young Boys, Switzerland (2.33), 2nd – Dnipro, Ukraine (2.13), 3rd – Internazionale, Italy (2)
Goals per Match Finalists: Chelsea, England (1.89); Benfica, Portugal (1.67)
Top 3 Teams with More Shots on Target: 1st – Basel, Switzerland (73), 2nd – Stuttgart, Germany (71), 3rd – Lazio, Italy (65)
Commercial Gross Revenues (Euros): 225 million
Revenues Distributed to Clubs (Euros): 168,75 million
 
Follow us on Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

Após o termino da UEFA Europa League, apresentamos alguns números-chave da edição de 2012/2013 referentes aos jogos, equipas e jogadores que fizeram parte desta competição.
 
– Jogos: 204
– Equipas: 56
– Jogadores: 1.238 (média de 22 por equipa)
– Golos: 521 (2,6 por jogo)
– Golos de Cabeça: 115 (0,6 por jogo)
– Golos Minuto 1-15: 50 (9,6%)
– Golos Minuto 16-30: 87 (16,7%)
– Golos Minuto 31-45: 68 (13,1%)
– Golos Descontos 1ª Parte: 11 (2,1%)
– Golos Minuto 46-60: 85 (16,3%)
– Golos Minuto 61-75: 86 (16,5%)
– Golos Minuto 76-90: 91 (17,5%)
– Golos Descontos 2ª Parte: 39 (7,5%)
– Golos 1ª Parte do Prolongamento: 2 (0,4%)
– Golos 2ª Parte do Prolongamento: 2 (0,4%)
– Penalties Marcados: 39
– Penalties Defendidos: 14
– Foras de Jogo: 1.008 (4,9 por jogo)
– Faltas: 5.227 (25,6 por jogo)
– Cantos: 1.960 (9,6 por jogo)
– Cartões Amarelos: 834 (4,1 por jogo)
– Cartões Vermelhos: 45 (0,2 por jogo)
– Top 3 Melhores Marcadores: 1º – Libor Kozák, Lazio (8 Golos; Eficácia 47%; um golo a cada 77 minutos); 2º – Edinson Cavani, Napoli (7 Golos; Eficácia 26%; um golo a cada 66 minutos); 3º – Óscar Cardozo, Benfica (7 Golos; Eficácia 32%; um golo a cada 84 minutos)
– Top 3 Assistências: 1º – José Barkero, Levante (6); 2º – Juan Mata, Chelsea (6); 3º – Fredy Guarín, Internazionale (4)
– Top 3 Remates à Baliza: 1º – Óscar Cardozo, Benfica (17 Remates, 1,89 por jogo); 2º – Samuel Eto’o, Anzhi (17 Remates, 1,7 por jogo); 3º – Fernando Torres, Chelsea (15 Remates, 1,7 por jogo)
– Equipas com mais Golos por Jogo: 1º – Young Boys, Suíça (2,33); 2º – Dnipro, Ucrânia (2,13); 3º –Internazionale, Itália (2)
– Golos por Jogo Finalistas: Chelsea, Inglaterra (1,89); Benfica, Portugal (1,67)
– Top 3 Equipas com mais Remates à Baliza: 1º – Basel, Suíça (73), 2º – Stuttgart, Alemanha (71); 3º – Lazio, Itália (65)
– Receitas Comerciais Brutas (Euros): 225 milhões
– Receitas Distribuídas pelos Clubes Participantes (Euros): 168,75 milhões
[youtube id=”1rEBL28RC5A”]
Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

Borussia Dortmund has become one of the most followed and praised clubs given the high-quality football presented on the field.
The club from Bundesliga, UEFA Champions League finalists in 2012/2013, has sought to invest more in the innovation component having, in this sense, introduced in 2012 a new mechanism that seeks to strengthen the capabilities of its players.
This revolutionary, device called “Footballnaut“, gives a new meaning to indoor training and is also used in the rehabilitation of players who are recovering from injuries. Footballnaut aims to develop some players capabilities such as first-touch, technique, speed of thought and execution and awareness.
Borussia Dortmund’s version includes a machine that shoots balls automatically towards the player in a ​​14 square meters area. The athlete is placed in the center of this area being the balls thrown in his direction at different speeds with a random variety of heights and angles. Then the player must receive the ball, look up in order to identify which of the 64 targets have their lights on, try to hit it with the ball as quickly as possible and return to the starting position to receive the next ball. This process is repeated successively during the training session. The coach receives all the data by computer.
Video: http://www.uefa.com/trainingground/coaches/video/videoid=1936054.html?autoplay=true
Follow us on Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

O Borussia Dortmund tem vindo a tornar-se um dos clubes mais seguidos dada a qualidade do futebol que apresenta em campo.
O clube da Bundesliga, finalista da UEFA Champions League 2012/2013, tem procurado investir cada vez mais na componente de inovação tendo, neste sentido, introduzido no ano de 2012 um novo mecanismo que procura fortalecer as capacidades dos seus jogadores.
Este aparelho revolucionário, denominado “Footballnaut“, permite dar um novo sentido ao treino indoor sendo também utilizado na reabilitação de jogadores que se encontram a recuperar de lesões. O Footballnaut procura exponenciar determinadas características nos jogadores como, por exemplo, o primeiro-toque, técnica, rapidez de raciocínio e execução e a perceção do espaço que os rodeia.
A versão do Borussia Dortmund inclui uma máquina que dispara bolas automaticamente na direção do jogador numa área de 14 metros quadrados. O atleta coloca-se no centro dessa área sendo as bolas lançadas na sua direção a diferentes velocidades com uma variedade aleatória de alturas e ângulos. De seguida, o jogador deve rececionar a bola, olhar para cima de modo a identificar qual dos 64 alvos tem a sua luz acesa, tentar atingi-lo com a bola o mais rapidamente possível e voltar à posição inicial de modo a receber a bola seguinte. Este processo repete-se sucessivamente durante o treino. Todos os dados são transmitidos informaticamente para o treinador.
Vídeo (em português): http://pt.uefa.com/trainingground/coaches/video/videoid=1936057.html?autoplay=true
Vídeo (em inglês): http://www.uefa.com/trainingground/coaches/video/videoid=1936054.html?autoplay=true
Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

Nos últimos anos tem-se tornado cada vez mais comum surgirem milionários interessados em adquirir partes do capital de clubes de futebol.
Neste sentido, apresentamos a lista dos 11 proprietários de clubes com maior património na atualidade, de acordo com dados divulgados pela Forbes.
[table id=170 /]
A maioria dos proprietários apresentados na lista são originários dos Estados Unidos da América e da Rússia. Verifica-se também que a maioria optou por investir em clubes pertencentes ao campeonato inglês (Barclays Premier League), espanhol (Liga BBVA) e norte americano (Major League Soccer).
Nota: Taxa de câmbio a 26 Abril de 2013: 1 USD = 0,767430 EUR.
Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

The Spanish striker, Michu, has been in a remarkable form playing for Swansea City in Barclays Premier League 12/13 and helped the club win its first Football League Cup.
The 27-year-old played for four Spanish clubs as a professional before arriving at his current team. Between 2004/2005 and 2006/2007 he played at Real Oviedo being transferred to Celta Vigo on the following season and, in 2011/2012, for Rayo Vallecano. It was in this club from Madrid, where Michu began to awaken greater interest in his performances being transferred to Swansea City in exchange for approximately 2.4 million Euros.
Taking into account his performances in the current season, at a very competitive league, many clubs will desire to bring him to their squads in the next transfer market period.
Player Profile – MICHU
[table id=197 /]
Main Statistics and Conclusions (Barclays Premier League 12/13)
[table id=198 /]
– Very important percentage of team goals (38%);
– 0,5 goals per game, very positive number taking into account the high level of competitiveness of Barclays Premier League;
– Significant shots effectiveness (17%);
– Only needs to touch a few times in the ball to score (low percentage of team’s total passes – 6%);
– Strong in aerial duels (49% won, 3,4 per game).
Note: Data collected on May 12, 2013.
 
DATA PROVIDER: WhoScored.com
whoscored_logo
 
Follow us on Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

Benfica e Chelsea vão defrontar-se pela 3ª vez, em competições oficiais, esta quarta-feira, na Final da UEFA Europa League.
Como já vem sendo hábito, o Football Industry apresenta um conjunto de quadros comparativos entre os dois clubes, dividido em três áreas distintas (Desempenho Desportivo, Finanças e Web), que nos permitirão ter uma visão global das duas equipas, da sua dimensão e das possibilidades de ambas nesta Final.
DESEMPENHO DESPORTIVO
Tendo-se apenas registado dois confrontos entre as duas equipas em competições oficiais (ocorreram na época passada), o Chelsea apresenta um saldo totalmente positivo tendo saído vitorioso desses dois encontros. Relativamente aos restantes indicadores de desempenho nesta edição da UEFA Europa League, verifica-se um grande equilíbrio entre as duas equipas.
[table id=196 /]
FINANÇAS
Ao nível das receitas, o Chelsea apresenta uma situação mais fortalecida ocupando a 5ª posição na Deloitte Football Money League 2013. A equipa inglesa apresenta valores superiores em todos os fluxos de receita associados ao seu desempenho nas competições da UEFA e investimentos milionários nas últimas épocas. Relativamente à estrutura de receitas dos dois clubes, observa-se que o Chelsea apresenta uma dependência significativa face às receitas de direitos televisivos o que não sucede no caso do Benfica. Por último, o Benfica apresentou, nas últimas 10 épocas, um crescimento das suas receitas bastante superior ao do clube inglês bem como assistências ligeiramente superiores em 2012/2013.
[table id=195 /]
WEB
No que diz respeito à componente online, o domínio do Chelsea é claro, apresentando um número superior de fãs/seguidores em todas as redes sociais, associado às suas recentes conquistas internacionais, contratações de jogadores de renome e mediatismo da Barclays Premier League. A título de exemplo, o Benfica apenas regista, neste momento, 9% do número de fãs do Chelsea no Facebook. Em relação aos websites dos dois clubes, neste momento, o chelseafc.com está melhor colocado a nível internacional e o slbenfica.pt a nível nacional.
[table id=194 /]
Notas: (1) Dados recolhidos a 13 de Maio de 2013; (2) Na contagem dos troféus foram consideradas as seguintes competições: Campeonato do Mundo de Clubes, Champions League (Taça dos Clubes Campeões Europeus), Supertaça Europeia, Taça das Taças, Taça Intercontinental, Taça UEFA (Europa League), Taça Intertoto, Liga Portuguesa, Campeonato de Portugal, Taça de Portugal, Taça da Liga Portuguesa, Supertaça de Portugal, Liga Inglesa, Supertaça Inglesa, Taça da Liga Inglesa, e Taça de Inglaterra; (3) Foram considerados apenas títulos em competições internacionais e nacionais, não tendo sido contabilizados títulos regionais.
Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

O avançado espanhol, Michu, tem realizado uma época notável ao serviço do Swansea City na presente edição da Barclays Premier League tendo ajudado o clube a conquistar pela primeira vez a Football League Cup.
O jogador de 27 anos passou por quatro clubes espanhóis enquanto profissional antes de chegar à sua equipa atual. Entre 2004/2005 e 2006/2007 atuou no Real Oviedo tendo-se posteriormente transferido para o Celta de Vigo e, em 2011/2012, para o Rayo Vallecano. Foi neste clube de Madrid, que Michu começou a despertar maior interesse nas suas atuações e acabou por ser contratado pelo Swansea City a troco de cerca de 2,4 milhões de Euros.
Tendo em conta o seu desempenho na corrente época, num campeonato muito competitivo, adivinha-se que surgirão muitos interessados na sua contratação assim que a época de transferências se voltar a iniciar.
Perfil do Jogador – MICHU
[table id=192 /]
Principais Dados Estatísticos e Conclusões
[table id=193 /]
– Percentagem muito importante do total de golos da equipa (38%);
– 0,5 golos por jogo, número muito positivo tendo em conta a competitividade da Barclays Premier League;
– Eficácia dos remates assinalável (17%);
– Precisa de tocar poucas vezes na bola para fazer golo (percentagem reduzida do total de passes da equipa – 6%);
– Forte nos duelos aéreos (49% ganhos, 3,4 por jogo).
Nota: Dados recolhidos a 12 de Maio de 2013.
 
DATA PROVIDER: WhoScored.com
whoscored_logo
 
Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

Currently, football clubs attract revenue through their shirts in two ways:
1. Brand that produces the kit (Adidas, Nike, etc..);
2. Sponsor with its logo in the center of the shirt.
The present ranking focuses on the second point. However, regarding the first one, at the moment, Real Madrid has the most valuable contract receiving, on average, 31.5 million Euros per year from Adidas.
In July 2012, Manchester United agreed a deal for seven years with Chevrolet with the amount of 430 million Euros setting a new record. The English club has been the one that has better explored this revenue stream being in negotiations with Nike to improve their current contract, which will probably become the highest one.
According to Forbes, although Real Madrid is the most valuable club, it only has the fifth highest shirt sponsorship. However, the Spanish club is in negotiations with Emirates which will certainly raise the current amount.
[table id=191 /]
Notes: (1) The 10-year contract between Manchester City and Etihad (491.2 million Euros) and the 5-year contract between Arsenal and Emirates (184.2 million Euros) were not included since they also comprise the naming rights of the stadium and their values are not public; (2) Exchange Rate April 26, 2013: 1 USD = 0.767430 EUR; (3) Amounts rounded to the hundreds of thousands.
Follow us on Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry