Resultados após Eliminação na UEFA0

resultados_eliminação_uefa

É um pensamento que surge frequentemente entre quem acompanha o futebol e o discute diariamente: “as equipas, após serem eliminadas nas competições da UEFA, tendem a apresentar uma quebra de forma”. Será esta afirmação verdadeira?

Neste âmbito, o Football Industry analisou o desempenho das 240 equipas que participaram nas últimas três edições da UEFA Champions League e da UEFA Europa League (2009/2010, 2010/2011 e 2011/2012) nos três jogos que antecederam a sua eliminação nestas competições comparando-os com os três jogos realizados após a referida eliminação.

Nas três épocas analisadas, a maioria das equipas registou uma quebra de forma após ser eliminada das competições da UEFA. Assim, em 2009/2010, 43% das equipas registou piores resultados após terminar a sua participação nas referidas competições, tendo este valor sido de 48% em 2010/2011 e de 40% em 2011/2012.

Em termos globais, os valores são os seguintes:

Estado
Nº Equipas
% Equipas
Pior10343%
Melhor8234%
Igual4218%
Foram à Final / Sem jogos após Eliminação135%
240100%

No entanto, estes valores diferem consoante o campeonato no qual as equipas estão incluídas. Deste modo, apresentamos em baixo, a análise do desempenho das equipas, após a eliminação, por país:

PAÍS
Pior
Melhor
Igual
Foram à Final / Sem jogos após Eliminação
Alemanha47%41%0%12%
Áustria67%22%11%0%
Bélgica50%20%20%10%
Bielorrússia33%67%0%0%
Bulgária25%75%0%0%
Chipre67%0%33%0%
Croácia0%50%50%0%
Dinamarca60%20%20%0%
Escócia50%25%25%0%
Eslováquia100%0%0%0%
Eslovénia50%50%0%0%
Espanha35%25%20%20%
França27%60%13%0%
Grécia67%11%22%0%
Holanda36%43%21%0%
Hungria0%0%100%0%
Inglaterra33%33%14%19%
Irlanda100%0%0%0%
Israel33%67%0%0%
Itália68%11%16%5%
Letónia0%100%0%0%
Moldávia50%50%0%0%
Noruega100%0%0%0%
Polónia33%33%33%0%
Portugal33%25%25%17%
Rep. Checa75%25%0%0%
Roménia45%45%9%0%
Rússia40%50%10%0%
Sérvia0%0%100%0%
Suécia100%0%0%0%
Suíça43%43%14%0%
Turquia14%71%14%0%
Ucrânia40%20%40%0%

Relativamente aos campeonatos considerados mais competitivos, os Big 5 (Alemanha, Espanha, França, Inglaterra e Itália), verifica-se que a maioria das equipas alemãs, espanholas e italianas registaram uma quebra de forma, enquanto que no caso de Inglaterra a percentagem de equipas com pior e melhor registo se iguala e, no caso das equipas francesas, estas tenderam a registar uma melhoria de forma.

Globalmente, em 15 dos 33 países, os clubes registaram uma quebra de forma, em 8 dos casos melhores resultados, e em 2 não se registaram quaisquer alterações. Nos restantes países verificaram-se percentagens iguais em duas ou mais opções (exemplo: número igual de equipas que pioraram e melhoraram de forma).

 

Notas: (1) Os jogos das competições da UEFA não foram considerados na análise do desempenho das equipas antes e após a eliminação na prova (apenas foram consideradas competições nacionais); (2) Análise realizada a partir da fase de grupos da UEFA Champions League e da UEFA Europa League, inclusive.

Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

Se pretender um relatório mais alargado, por favor, contacte a equipa do Football Industry através do email webmaster@football-industry.com.

Nuno Bolas

Escrito por: Nuno Bolas

Consultor e Analista, Mestre em Gestão pela NOVA - School of Business and Economics.

Deixe uma opinião


*

Pode usar algumas das tags HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>