Mercado de Transferências 2012 – Parte II0

mercado_transferências_2012

Entradas e Saídas de Jogadores por Região

O mercado europeu agregou a maioria das entradas e saídas de jogadores em 2012. Os mercados africano e norte americano foram aqueles que mais no último ano tendo-se registado uma quebra na América do Sul e Ásia.

Região
Nº Entradas
Nº Saídas
Var. (%) Nº Entradas
Var. (%) Nº Saídas
% Total Entradas e Saídas
Var. (%) Total Entradas e Saídas
Europa6.3876.5431%2%56,0%1%
América do Sul1.9922.014-4%-5%17,3%-4%
Ásia1.6081.180-4%2%12,1%-2%
África7611.13312%3%8,2%6%
América do Norte80466611%1%6,4%6%
Oceânia0160%0%0,1%0%

Países mais Activos no Mercado de Transferências em 2012

Relativamente aos países mais activos no mercado em 2012, verifica-se sobretudo uma tendência para a entrada de um maior número de jogadores estrangeiros no mercado inglês e uma maior internacionalização do jogador espanhol, certamente fomentada pelas conquistas da selecção nacional espanhola. Em termos percentuais, os países com maior crescimento no número de entradas foram o Iraque (342%), Costa do Marfim (322%) e Libéria (300%). Relativamente às saídas, o top 3, em termos percentuais, é composto pelo Gabão (75%),Hong Kong (72%) e Malásia (69%).

Mais Entradas
 
Mais Saídas
 
Maior Crescimento Entradas
 
Maior Crescimento Saídas
 
PaísNº TransferênciasPaísNº TransferênciasPaísCrescimento (Nº)PaísCrescimento (Nº)
Brasil696Brasil618Inglaterra52Espanha91
Inglaterra501Inglaterra477Tunísia52Nigéria64
Alemanha307Argentina436Hungria48Rússia39
Argentina289Espanha432Noruega42Suíça38
Portugal287Portugal400Iraque41Egipto37
Itália263França359Rep. Checa38Itália34
Uruguai233Itália339EUA35Croácia33
França227Alemanha311Bulgária34Costa Rica31
EUA225Uruguai256China32Costa do Marfim30
Bélgica223Rússia242México32País de Gales28

Saldo de Entradas e Saídas de Jogadores (€)

No que respeita ao saldo de cada país entre receitas e gastos relacionados com transferências, o Brasil e Portugal lideram o top 10 de países cujos benefícios foram superiores aos gastos enquanto que a Inglaterra e a Rússia lideram, de forma destacada, o top 10 dos que despenderam valores superiores aos seus ganhos.

Benefício Líquido
 
Gasto Líquido
 
PaísValor (€)PaísValor (€)
Brasil93 milhõesInglaterra241 milhões
Portugal79 milhõesRússia196 milhões
Itália70 milhõesTurquia60 milhões
Holanda66 milhõesChina38 milhões
Espanha38 milhõesAlemanha33 milhões
Uruguai38 milhõesUcrânia28 milhões
Suíça31 milhõesFrança23 milhões
Chile29 milhõesÁustria10 milhões
Bélgica27 milhõesEAU9 milhões
Argentina23 milhõesPaís de Gales8 milhões

Salário Médio pago a Jogadores transferidos para os 6 Países mais Activos no Mercado em 2012 (compensação fixa)

No que concerne a este aspecto, verifica-se ainda uma grande disparidade entre os mercados europeus e sul americanos.

País
Média (€)
Mediana (€)
Itália552 mil227 mil
Inglaterra521 mil86 mil
Alemanha299 mil69 mil
Portugal184 mil45 mil
Brasil61 mil5 mil
Argentina31 mil18 mil

Comissões Pagas a Intermediários em Transferências Internacionais

Inglaterra, Itália e Rússia lideram o top 10 dos países que mais pagaram a intermediários sendo que o primeiro e terceiro lideram o top de países que gastaram mais do que amealharam.

País
Valor (€)
Inglaterra45 milhões
Itália31 milhões
Rússia18 milhões
Alemanha9 milhões
Portugal8 milhões
França4 milhões
Dinamarca2 milhões
País de Gales996 mil
Escócia996 mil
Noruega996 mil

Siga-nos no Facebook! https://www.facebook.com/FootballIndustry

Nuno Bolas

Escrito por: Nuno Bolas

Consultor e Analista, Mestre em Gestão pela NOVA - School of Business and Economics.

Deixe uma opinião


*

Pode usar algumas das tags HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>